2017 por Plan  Automação Campinas  @ Todos direitos reservados 

Nossas Sedes        Diretoria        Placa preta       Jeep Verde 
 

Filosofia do Clube
 

Praticantes de Off-Road exigem mais do que raids e passeios. Oferecemos, além de cursos, festas, promoções, clube de campo e muita informação. Mas o principal é a luta constante para não esquecermos a regra número um do fora-de-estrada:

 

"Saber informar e auxiliar um companheiro é bem mais agradável do que ser o experiente sabe-tudo."

 

A cada novo desafio é necessário uma avaliação, e quanto maior o número de companheiros participantes, mais breve será a solução e a ultrapassagem de determinado obstáculo.

A História do JEEP CLUBE DO BRASIL

A história da formação do Jeep Clube do Brasil começou em 1974, São Paulo, com a restauração de um velho 4x4 remanescente da Segunda Guerra Mundial.  Depois de Gastar dois anos trabalhando todos os finais de semana e feriados na reforma de Jeep 1942, Nelson de Almeida Filho, atualmente presidente do conselho deliberativo, descobriu ter encontrado algo mais do que um simples veículo.Nasceu daí o sonho de formar um clube que reunisse todas as pessoas que gostassem dos Jeeps. Ele expressava a liberdade de se transitar em um país com características continentais e de natureza privilegiada, com ou sem estradas e um elo de ligação entre pessoas com espírito de aventura, simplicidade e companheirismo.
 

"Havia naquele carro um carisma incrível, um halo de simpatia viva que envolvia as pessoas."


A montagem de um estande no I Salão do Automovel Antigo em 1981 no Pavilhão de Exposições da Bienal no parque do Ibirapuera, foi o primeiro passo público para a fundação do Jeep Clube do Brasil. Em apenas um mês, 220 novos adeptos associaram-se ao clube, quando foi formada a primeira diretoria e elaborados os estatutos.
O clube foi fundado em reunião acontecida ainda nas dependências da exposição. O famoso logotipo do Jeep Clube do Brasil foi desenhado pelo próprio Nelson de Almeida baseado em seu Jeep 1942 com pneus 7.50x16. A palavra Jeep foi tirada do logotipo da Willys da década de 50.

 Estatuto 2019        Nossas Sedes        Diretoria        Placa preta       Jeep Verde 
Diretoria  - Gestão 2019 / 2020
 

Presidente: Valter Navarro Junior

Vice-Presidente:  Sergio Gomes (Guido)

1 - Tesoureiro: Hideraldo Bizarro

2 - Tesoureiro: Fábio Gomes

Gestor de Placas Pretas: Julio Flores

Gestor Tecnológico: Fábio S Gomes

Secretária: Marina Seabra

Sede Social

Rua Rua Conselheiro João Alfredo, 206   Mooca - São Paulo - SP

Telefone:(11) 3277-5082

Sede Campo

Chácara 311 - Bairro Batatuda

Piracaia - SP

Telefone:(11) 4011-7236

Jeep Verde

As emissões de gases do efeito estufa são um problema mundial. 3/4 da emissão de gás carbônico (CO2) são decorrentes da queima de combustíveis fosseis (que tem origem no petróleo), sendo que - com base em alguns estudos, tem conseqüência direta na elevação da temperatura média do Planeta. Esse fato pode ser devastador para a biodiversidade que conhecemos. 

Como as atividades do Jeep Clube do Brasil normalmente estão relacionadas com o uso do automóvel, e o Clube tem ciência de sua responsabilidade ambiental, buscou-se uma forma de neutralização do gás carbônico emitido em seus eventos. Assim, criou-se o “Projeto Jeep Verde”.

O Projeto Jeep Verde tem - entre os seus objetivos, a proposta da criação do selo “Jeep Verde”, que é a garantia que o Jeep Clube do Brasil se responsabiliza pela neutralização do carbono emitido pelos veículos 4x4 de seus Associados e/ou dos participantes em seus eventos.

Todas as emissões de carbono, emitidas pelos veículos serão contabilizadas pelo biólogo responsável, buscando estabelecer uma relação de equivalência com a capacidade de absorção típica de uma árvore. Após essa avaliação, chega-se a um número de árvores ideal para a remoção deste carbono na atmosfera.

Com base nessa informação o Jeep Clube do Brasil realiza anualmente o plantio de centenas de árvores em sua Sede de Campo (ou em outro lugar, se necessário) recompondo da biodiversidade em áreas de interesse ecológico.

Com essa iniciativa o Jeep Clube do Brasil acredita minimizar o impacto ambiental conseqüente de suas atividades.

Faça você também a sua parte!!!

Processo para Obtenção de Placa-Preta 

O Jeep Clube do Brasil faz parte do seleto grupo de associações autorizadas pelo Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) para a certificação de veículos de coleção (também conhecidos como “Placas-Pretas”), através de regulamentação específica do Código Nacional de Trânsito (CNT).

Com a criação do atual Código Nacional de Transito,  foi elaborada uma lei específica que regulamenta a correta identificação dos veículos de coleção, que basicamente tem o objetivo de garantir o valor histórico dos mesmos, buscando na melhor maneira possível, manter os automóveis como foram fabricados.

Essa lei busca ajustar a convivência destes veículos antigos com a nova legislação, já que com o novo Código Nacional de Transito foi realizada a grande regulamentação dos itens de segurança obrigatórios, bem como patamares mínimos para o nível de emissão de ruídos e poluentes, o que não permitiria a livre circulação dos veículos de coleção (produzidos a mais de 30 anos).

Vale ressaltar que um veículo restaurado não é um “veículo melhorado” e sim, mantido na sua forma original e recuperado seguindo rigorosamente o padrão de fabricação de época. Veículos que tenham recebido modificações, seja na estrutura, motor, transmissão, chassi, etc., devem reverter essas alterações para o padrão original (ou similar) para que possam ser submetidos à vistoria pelo Jeep Clube do Brasil.

O Jeep Clube do Brasil foi homologado e autorizado pelo Contran e Denatran - através de Portaria Federal de número 16, de 09 de Fevereiro de 1999, a emitir o Certificado de Originalidade em todo o País, e a todos os tipos de veículos. Desde então, o Jeep Clube do Brasil emitiu centenas de Certificados de Originalidade para veículos com tração nas quatro rodas, inclusive para automóveis de passeio de diversas marcas e viaturas militares.

A partir de 1º janeiro de 2010, para obtenção ou renovação do Certificado de Originalidade -  que atesta a qualidade do veículo e permite o acesso a Placa Preta através do Jeep Clube do Brasil, será imperativa a condição de que o proprietário seja associado do Clube ou de um Clube afiliado, legalmente registrado há mais de um ano e em dia com as obrigações.

O Associado deverá solicitar a emissão do Certificado de Originalidade por escrito e com antecedência (tempo hábil para pré-avaliação, avaliação e emissão de Certificado).

O interessado deverá enviar ao Jeep Clube do Brasil os seguintes documentos (o envio deste material poderá ser realizado através de e-mail):

 

-      Cópia do RENAVAN/DUT ou Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo;

-      RG ou Habilitação do proprietário do veiculo;

-      Comprovante de endereço e telefone para contato;

-      Enviar no mínimo de 7 fotos do veículo, sendo parte frontal, laterais (direita e esquerda), parte traseira, painel de instrumentos, painel de fogo (parede que separa o motor do habitáculo), compartimento do motor, foto frontal (focando chassis e eixo dianteiro);

-      Preencher formulário de pré-avaliação, que servirá de base para a vistoria ou avaliação conclusiva.

 

Após a verificação do material acima, será feito contato - via secretaria do Clube, informado se o veículo está apto a realizar a vistoria ou avaliação conclusiva.

Alguns itens desclassificam o veículo de forma definitiva. São eles:

 

-      Carroceria adaptada ou modificada (diferente a original);

-      Motor adaptado (diferente do original);

-      Transmissão (caixa de mudanças/eixos/etc.) adaptada, diferente a original;

-      Bancos e/ou tapeçaria fora do padrão original de época

-      Cor totalmente fora do padrão original ou de época

-      Rodas fora do padrão original ou de época;

-      Ar-condicionado não original

-      Sistema de direção modificado (diferente do tipo original);

-      Chassi modificado, diferente do original ou de outro fabricante;

-      Sistema de freios modificado, diferente ao original;

-      Suspensão modificada, diferente a original.

 

O Certificado de Originalidade, que dá acesso ao processo de obtenção da Placa-Preta, tem validade em todo o território nacional.

 

OBS.: O Jeep Clube do Brasil apenas emite o Certificado de Originalidade e o entrega ao proprietário, que encaminha – junto com toda a documentação necessária, ao Detran ou Ciretran de seu estado ou município - órgão encarregado de emitir o novo Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo, com a observação de veículo de coleção (com a designação no campo Espécie Tipo “/col”, a Placa Preta).

A partir da emissão do Certificado de Originalidade, o veículo passa a pertencer ao acervo de veículos de coleção do Jeep Clube do Brasil (fato previsto em lei).  Os Certificados de Originalidade deverão ser renovados anualmente pelo Jeep Clube do Brasil entre os meses de janeiro e abril, impreterivelmente (processo interno do Clube).

OBS.: A maioria dos veículos de coleção (antigos), independente da qualidade e de seu estado de conservação, quando operados no ambiente atual (velocidades, vias e demais veículos), nem sempre apresentarão condições mínimas de segurança, dirigibilidade e de emissões de poluentes permitidas. Portanto, deve-se desestimular o uso freqüente destes veículos, sendo que o proprietário deverá ter ciência do correto uso do veículo de Placa-Preta (eventos, finais de semana e feriados), evitando situações de risco para a comunidade.

Caso existam conflitos, erros conceituais, sugestões ou eventuais problemas, o Jeep Clube do Brasil está à disposição para maiores esclarecimentos.

Nossas Sedes        Diretoria        Placa preta       Jeep Verde      

SOBRE NÓS